conecte-se conosco

Política Nacional

Bolsonaro pode ser investigado por gastos milionários: leite condensado e alfafa

Publicado


source
Presidente Jair Bolsonaro
ImagoImages

Presidente Jair Bolsonaro

A Procuradoria-Geral da República ( PGR ) recebeu uma ação enviada pelo deputado David Miranda (PSOL-RJ), solicitando que o procurador-geral, Augusto Aras , investigue sobre as despesas de R$ 1,8 bilhão do governo federal em bebidas e alimentos em 2020. As informações foram apuradas pela Folha de São Paulo. 

A demanda também foi assinada pelas deputadas Sâmia Bomfim (PSOL-SP), Fernanda Melchionna (PSOL-RS) e Vivi Reis (PSOL-PA). O deputado Miranda pede que, a PGR apure sobre o caso e responsabilize o presidente Jair Bolsonaro

O Metrópole divulgou as informações sobre os gastos do atual presidente e aponta que os números tiveram um aumento de 20% em comparação ao ano de 2019. Por exemplo, R$ 2,5 milhões foram designados a compra de vinhos para o Ministério da Defesa, R$ 15 milhões foram gastos em leite condensado e R$ 2,2 milhões em gomas de mascar. 

Você viu?

Segundo Miranda, “um conjunto de fatores que vai desde a ineficiência do governo federal no enfrentamento das crises ora instaladas, passando pelo aumento do desemprego e cortes de orçamento da agricultura familiar, até as políticas neoliberais e ultra neoliberais fomentadas pelo Ministério da Economia que geram o crescimento da pobreza e da extrema pobreza de forma acelerada”. 

Leia mais:  Câmara aprova licença maternidade após internação da mãe ou do bebê

“Ainda, há que se falar do desmonte das políticas de segurança alimentar e nutricional e soberania alimentar. Nesse sentido, esse desmonte vai ao encontro do agravamento das condições de vida da população pobre, que ficou completamente desprovida de assistência, gerando, assim, um quadro de crescimento da pobreza e abandono”, continua o deputado. 

“Tal situação de caos e fome, aliada à atual crise sanitária decorrente da Covid-19, evidencia mais ainda o grau de desigualdade, o grau absurdo de pobreza e falta de condições da população trabalhadora de viver uma vida digna”, declarou. 

Comentários Facebook
publicidade

Política Nacional

Ministro do STF Edson Fachin anula todas as condenações de Lula na Lava Jato

Publicado


source
Ex-presidente Lula
Agência Brasil

Ex-presidente Lula

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), anulou nesta segunda-feira (8) todas as condenações do ex-presidente Lula no âmbito da Operação Lava Jato. A decisão torna o petista elegível para participar de eleições para cargos públicos. A informação é da CNN Brasil .

Fachin tomou a decisão de forma monocrática, ou seja, foi um entendimento individual do ministro. A anulação, a princípio, não vai a plenário para o julgamento dos demais ministros do STF. Isso só vai acontecer se alguém entrar com recurso contra a decisão.

Com a anulação, Lula volta a ser uma das opções do PT para as eleições de 2022. Antes disso, o ex-presidente era inelegível por se enquadrar na Lei da Ficha Limpa por responder no caso envolvendo o sítio de Atibaia, no interior de São Paulo.

*Esta matéria está em atualização

Comentários Facebook
Leia mais:  "Não vou deferir impeachment", diz Maia sobre presidente Bolsonaro
Continue lendo

Política Nacional

Governo anuncia cerca de 29 milhões de doses da vacina contra a covid-19

Publicado


source
Presidente Jair Bolsonaro (sem partido)
Carolina Antunes/PR

Presidente Jair Bolsonaro (sem partido)

Nesta segunda-feira (08), o presidente da República, Jair Bolsonaro , esteve em reunião com a empresa  Pzifer , com o propósito de garantir mais doses da vacina para o Brasil. Com o país passando pelo seu pior momento desde o início da pandemia, com vários estados entrando com seus sistemas de saúde em colapso, cerca de 29 milhões de doses foram garantidas para os próximos dias. 

Em suas redes sociais, Bolsonaro postou trecho do agradecimento a Pzifer, dizendo que a empresa é importante mundialmente e que ajudará o país em momento “agressivo” em que vírus avança em território brasileiro

Também usou suas redes sociais para compartilhar um vídeo da TV BrasilGov em que é ressaltado que a compra das vacinas continua.  São previstas cerca de 29 milhões de doses de vacinas contra o novo coronavírus ao longo dessas semanas. 

Leia mais:  Câmara aprova licença maternidade após internação da mãe ou do bebê

O laboratório Moderna, confirmou ao Ministério da Saúde, que poderiam entregar remessa de 13 milhões de doses ao Brasil ainda em 2021. O governo federal também assinou com o laboratório Precisa Medicamentos, para a produção de 20 milhões de doses da vacina indiana Covaxin, da Biontech. 8 milhões de doses devem ser entregues ainda neste mês. 

Até o final de março, cerca de 22,7 milhões de doses da Vacina Sinovac, do Instituto Butantan devem ser entregues ao Ministério da Saúde. Só nesta semana, serão entregues cerca de 2,6 milhões de doses para serem distribuídas proporcionalmente para os Estados e Distrito Federal. 

Já a Fiocruz, deve entregar aproximadamente 3,8 milhões de doses da vacina  AstraZeneca/Oxford também em março. Este será o primeiro lote produzido aqui no Brasil, com material importado. Também é esperado cerca de 2,9 milhões de doses da Covax. 

E por pedidos do ministro da Educação, Milton Ribeiro, ao comitê de crise, que monitora o impacto do novo coronavírus no país, os professores e outros profissionais da educação foram adicionados ao grupo prioritário para a vacinação contra a covid-19. Aqueles que trabalharem com as primeiras séries de ensino, terão preferência. 

Comentários Facebook
Continue lendo

Política Nacional

Distrito Federal: governador decreta toque de recolher entre 22h e 5h

Publicado


source
Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB)
Reprodução

Governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB)

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), decretou toque de recolher no estado. A decisão foi anunciada nesta segunda-feira (8), e já vale a partir de hoje.

A medida proíbe as pessoas de permanecerem nas ruas entre as 22h e as 5h. A decisão prevalece até o dia 22 de março e tem como função frear o avanço da pandemia de Covid-19.

”Todos deverão permanecer em suas residências em período integral, ressalvado o deslocamento realizado, em caráter excepcional, para atender a eventual necessidade de tratamento de saúde emergencial, ou de aquisição de medicamentos em farmácias”, diz na nota do governo.

Em caso de descumprimento da lei, o infrator será conduzido à delegacia e terá de pagar multa de R$ 2 mil.

Você viu?

Dentre os serviços que poderão funcionar durante o lockdown, apenas os seguintes estabelecimentos poderão funcionar após às 22h no estado:

  • Hospitais
  • Clínicas veterinárias e médicas
  • Farmácias
  • Postos de gasolina
  • Funerárias

Além do toque de recolher, a suspensão dos serviços não essenciais foi prorrogada até o dia 27 de março.

Nesta segunda(8), o Distrito Federal chegou a 100% de ocupação dos leitos de UTI na rede pública de saúde. Segundo informações, 70 pessoas com suspeita ou confirmadas com o novo coronavírus (Sars-Cov-2) estão à espera de um leito nos hospitais.

Comentários Facebook
Continue lendo

R$ 156,72

Peixoto de Azevedo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Política Nacional

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - REDE CENTRO NORTE DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME - CNPJ: 34.052.986/0001-65 | Peixoto de Azevedo - MT
Desenvolvido por InfocoWeb - 66 9.99774262