conecte-se conosco

Economia

Brasil recebe menos investimentos em 2020 entre países emergentes, revela ONU

Publicado


source

Brasil Econômico

gráfico
Divulgação/HC Investimentos

Investimentos no Brasil caem pela metade em 2020


Nos primeiros seis meses de 2020, foi registrado uma queda no fluxo de investimentos  diretos no Brasil , sendo maior que a média observada entre outros países emergentes. Os dados são da Conferência da ONU para Desenvolvimento e Comércio, que serão publicados nesta quarta-feira (28).


Segundo a agência, os dois fatores que pesaram para o Brasil foram a interrupção do programa de privatizações e a proporção que a pandemia tomou no país. No primeiro semestre, o país registrou uma queda de 48% nos investimentos em comparação ao mesmo período em 2019, um total de US$ 18 bilhões entre janeiro e junho.

O Brasil foi o sexto país com menos investimentos no mundo, ficando igual ao México e sendo superado por Cingapura, Irlanda, Alemanha, EUA e China. Em 2019, o Brasil era o quarto entre os maiores destinos de investimentos. O resultado brasileiro é o pior que a média das economias emergentes e o mais negativo da América Latina, segundo o portal Uol.

Mas outras economias sofreram mais do que o Brasil neste ano. Entre os países ricos, a Itália sofreu uma queda de 74% nos investimentos e os EUA, uma contração de 61%, para um total de US$ 51 bilhões.

Leia mais:  Dólar cai e fecha em R$ 5,58; cotação oscilou durante o dia

Os investimentos no mundo todo tiveram uma queda de 49%, devido às decisões de multinacionais de adiar projetos. Para 2020, a previsão é de uma queda que poderia variar entre 30% a 40% no fluxo mundial de investimentos. Enquanto os anúncios de novos projetos de investimento caíram 37% e fusões e aquisições caíram em 15%.

Pela primeira vez na Europa, o fluxo de investimentos foi negativo , com uma saída maior de capital do que entrada. US$ 86 bilhões foram retirados da Holanda, contra US$ 30 bilhões do Reino Unido ou US$ 98 bilhões da Suíça. Mas na maioria dos casos, isso é, na verdade, uma repatriação de recursos de multinacionais. Já na América do Norte a redução foi de 56%, para $68 bilhões de dólares.

No primeiro trimestre, o Chile teve os investimentos impulsionados pela indústria de transporte, manufatura e comércio e os fluxos aumentaram em 67% para US$ 9,5 bilhões. Entre os fluxos, está a aquisição de 20% da LATAM chilena pela Delta Airlines por US$ 1,9 bilhão, concluída no final de 2019.

Na América Central, os fluxos foram estáveis em US$ 23 bilhões. No México os investimentos aumentaram em 5%, para US$ 18 bilhões, com mais da metade sob a forma de lucros reinvestidos.

Leia mais:  Latam inicia codeshare com Aeroméxico

No bloco de países emergentes que engloba Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul (BRICS), a Rússia superou o Brasil na queda. A contração em Moscou foi inédita, passando de um fluxo positivo de US$ 16 bilhões em 2019 para uma fuga de capital de US$ 1,2 bilhão em 2020.

De forma geral, o bloco sofreu um abalo menor no fluxo de capitais, com queda de 16%. Na África, a redução foi de 28%, contra 25% na América Latina e uma contração de apenas 12% na Ásia.

No primeiro semestre do ano, a região latino-americana recebeu US$ 62 bilhões no total.  “Enquanto o primeiro trimestre foi relativamente não afetado pela crise econômica induzida pela Covid-19 , os fluxos caíram no segundo trimestre levando a declínios na maioria das principais economias, com exceção do México e Chile”, diz o informe.

China

As economias emergentes da Ásia receberam mais da metade dos investimentos no mundo pela primeira vez. Nas economias ricas, a queda foi  75% nos investimentos em média. 

Os fluxos de investimento para a China se mostraram resistentes. No primeiro semestre deste ano, os investimentos no país chegaram a 76 bilhões de dólares, um declínio de apenas 4%.

Na Coréia, a queda foi de 34%, enquanto Cingapura teve uma contração de 28%, Indonésia -24% e e Vietnã -16%.

Comentários Facebook
publicidade

Economia

Para promover o turismo no Brasil, Azul adesiva Airbus A320neo

Publicado


source

Contato Radar

Para promover o turismo no Brasil, Azul adesiva Airbus A320neo
Gabriel Araújo

Para promover o turismo no Brasil, Azul adesiva Airbus A320neo

Para promover as belezas naturais do Brasil e a retomada do turismo, a Azul adesivou um Airbus A320neo com belas imagens do nosso país. É possível visualizar referências à Floresta Amazônica, ao Rio de Janeiro e ao Morro Dois Irmãos, localizado em Fernando de Noronha.

Com a frase “Viva intensamente o Brasil”, a ação está sendo realizada em parceria com a Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur). A aeronave adesivada é o PR-YSE, entregue novo de fábrica para a Azul em dezembro de 2019.

alt

O post Para promover o turismo no Brasil, Azul adesiva Airbus A320neo apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

Comentários Facebook
Leia mais:  Estatais pagam salários até oito vezes mais altos que empresas privadas, diz TCU
Continue lendo

Economia

Aeroporto Internacional de BH recebe doses da vacina de Oxford

Publicado


source

Contato Radar

Aeroporto Internacional de BH recebe doses da vacina de Oxford
Gabriel Araújo

Aeroporto Internacional de BH recebe doses da vacina de Oxford

CNF ao vivo – O Aeroporto Internacional de Belo Horizonte (CNF) recebeu na manhã deste domingo (23) cerca de 190 mil doses da vacina AstraZeneca, desenvolvida em parceria com a Universidade de Oxford, na Inglaterra.

A operação foi realizada pelo Embraer 195 cargueiro da Azul, que partiu do Rio de Janeiro (GIG) e pousou no aeroporto mineiro às 09h45. Trazida ao Brasil pela Emirates na sexta-feira (22), as duas milhões de doses do imunizante chegaram em São Paulo (GRU), sendo transportadas ao Rio de Janeiro (GIG) logo após e distribuídas pelo país através de voos da Azul, GOL e LATAM.

Após o pouso, a carga foi retirada e seguiu de caminhão até a Central de Rede de Frio de Minas Gerais, sendo escoltada pela Polícia Militar de Minas Gerais e da Polícia Federal. Já a aeronave seguiu de Confins para Palmas (PMW) e posteriormente para Campo Grande (CGR).

Abaixo, veja fotos da operação:

O post Aeroporto Internacional de BH recebe doses da vacina de Oxford apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Auxílio vai voltar? Para Bolsonaro, só com PEC Emergencial; entenda

Publicado


source

Brasil Econômico

Bolsonaro é a favor da volta do auxílio, mas com cuidados
Reprodução SBT

Bolsonaro é a favor da volta do auxílio, mas com cuidados

O presidente Jair Bolsonaro é a favor da volta do auxílio emergencial , mas só aceitaria pagar o benefício novamente caso seja aberto espaço no Orçamento . As informações são de fontes ligadas ao presidente ouvidas pelo Valor Econômico.

De acordo com as fontes, Bolsonaro não está disposto a flexibilizar o teto de gastos para voltar a pagar ao auxílio emergencial. “Se não tem dinheiro, melhor nem fazer”, disse o presidente.

A solução para voltar a pagar o benefício , que ainda não teve seu valor definido, não seria um novo Orçamento de Guerra que, no ano passado, retirou os gastos relacionados à pandemia de Covid-19 do cálculo do teto.

Você viu?

Para Bolsonaro , portanto, a saída seria aprovar uma Proposta de Emenda Cosntitucional (PEC) Emergencial – ou PEC dos gatilhos -, para abrir espaço no orçamento para o pagamento de benefícios.

A PEC estabelece cortes de gastos, como salários dos servidores, sempre que o Orçamento ultrapassar o limite. Além disso, benefícios fiscais devem ser reavaliados a cada quatro anos com a PEC, que também deve proibir novos incentivos fiscais.

Dentre as medidas, que são temporárias, também está a proibição de criar novas despesas obrigatórias por dois anos. Com a PEC , também fica permitida a redução de carga horário e salários de servidores públicos.

Comentários Facebook
Continue lendo

R$ 156,72

Peixoto de Azevedo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Política Nacional

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - REDE CENTRO NORTE DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME - CNPJ: 34.052.986/0001-65 | Peixoto de Azevedo - MT
Desenvolvido por InfocoWeb - 66 9.99774262