Connect with us

Assessoria | PJC-MT

Os novos delegados da Polícia Judiciária Civil em curso de formação técnico profissional participaram no começo do mês de aula integrada promovida pela Academia de Polícia (Acadepol) em parceira com o Ministério Público Estadual.

Os alunos acompanhados do delegado geral adjunto, Gianmarco Paccola Capoani, foram recebidos pelo promotor de justiça, Gerson Natalício Barbosa, da 17ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística e do Patrimônio Cultural de Cuiabá.

Durante o encontro foi falado sobre ações cometidas contra o meio ambiente, em especial, sobre crimes em áreas urbanas que prejudicam as nascentes, poluição e loteamento clandestino.

Os alunos também tiveram a oportunidade de conhecer o projeto “Água para o futuro”, desenvolvido pelo Ministério Público. O trabalho busca a proteção das nascentes da área urbana de Cuiabá, visando garantir a segurança hídrica e o abastecimento de água potável para a presente e as futuras gerações.

Esse projeto apresentado para os delegados recém-empossados foi ganhador do prêmio fornecido pelo Conselho Nacional do Ministério Publico (CNMP), e está ligado diretamente as investigações ambientais na zona urbana, envolvendo principalmente construtoras e prefeituras.

Leia mais:  Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra autor do roubo de um caminhão carregado de soja

De acordo com o delegado geral adjunto da PJC, Gianmarco Paccola Capoani, o objetivo da aula foi transmitir conhecimentos e informações para os novos colegas que poderão ser multiplicadores, na defesa do meio ambiente em suas respectivas unidades de atuação no interior do Estado.

“É muito importante destacar a preocupação com os problemas ambientais nas áreas urbanas, principalmente aqueles que prejudicam diretamente as nascentes, como, por exemplo,  os loteamentos clandestinos ou determinados empreendimentos poluidor, os quais acabam gerando danos irreversíveis e que podem ocasionar crises hídricas crônicas ou de difícil reversibilidade”, destacou Gianmarco Paccola Capoani.

 

Comentários Facebook
Advertisement

Policial

Autor de homicídio em Arenápolis é preso em flagrante pelo Polícia Civil

Published

on

Um homem apontado como autor do homicídio ocorrido na noite de quarta-feira (27.07), no município de Arenápolis (258 km a médio norte de Cuiabá), foi preso em flagrante pela Polícia Civil, durante atendimento da ocorrência.

Os investigadores de Arenápolis foram informados sobre uma situação de tortura e de homicídio por meio de arma cortante, que vitimou a pessoa de José Augusto Rodrigues de Souza, 20 anos.

Imediatamente a equipe acompanhada do delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, foram até o hospital onde a vítima havia dado entrada, porém não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

Em seguida, os policiais civis foram até o local dos fatos para obterem mais detalhes acerca do ocorrido. Durante entrevista com populares foi possivel qualificar o autor do homicídio, o qual foi localizado nas proximidades, sentado em frente de uma residência.

O suspeito foi levado até a Delegacia de Arenápolis, e no interrogatório assumiu o crime. Ele alegou que foi cercado por três indivíduos de uma facção rival, e passou a ser espancado com capacetes e uma mangueira, momento em que conseguiu sacar uma faca e golpeou a vítima.

Leia mais:  Operação integrada prende homem armado e notifica 10 estabelecimentos comerciais em Cuiabá

Conforme o delegado Hugo Abdon de Araujo Lima, os indícios apontam que o homicídio decorreu da legítima defesa, pelo fato que os três homens na função de “disciplina” dariam um salve no suspeito.

Após a confecção dos autos, o preso será apresentado e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

PM flagra infração de trânsito e prende homem com arma de fogo em Rondonópolis

Published

on

Policiais militares do 5º Batalhão em Rondonópolis prenderam um homem, de 49 anos, por porte ilegal de arma de fogo, na noite desta quarta-feira (27.07). Com o suspeito, que foi abordado após ser flagrado cometendo uma infração de trânsito, a PM apreendeu um revólver calibre .38 com cinco munições.

Por volta de 18h30, durante rondas pelo bairro Rondônia, a equipe do 5º BPM flagrou o momento em que o condutor de uma caminhonete Hilux cinza estava dirigindo o veículo falando ao celular. 

De imediato, os policiais militares realizaram abordagem ao veículo e informaram ao suspeito sobre a infração de trânsito cometida. Questionado se havia algum material ilícito no carro, o homem disse que não transportava nada ilegal.

Porém, a equipe policial realizou vistorias no veículo e encontraram a arma de fogo carregada com as cinco munições, dentro de um console próximo ao câmbio da caminhonete.

Diante da situação de flagrante, o suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia de Rondonópolis, onde foi registrado o boletim de ocorrência, ficando à disposição da Polícia Judiciária Civil para as demais providências cabíveis.

Leia mais:  Polícia Civil prende dois primos por tráfico de drogas, associação para o tráfico e receptação

Disque-denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Policial

Polícia Civil prende receptador e recupera caminhão roubado da Prefeitura de Colniza

Published

on

Um caminhão roubado de funcionários da Prefeitura de Colniza (1.065 km a noroeste de Cuiabá), há aproximadamente um ano, foi recuperado pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (27.07), em uma oficina do município. Um homem que se identificou como proprietário do caminhão foi preso em flagrante pelo crime de receptação.

O caminhão, apreendido em uma ação da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), estava acautelado para o município de Colniza.

O crime ocorreu em agosto de 2021, quando funcionários da Prefeitura estavam com o caminhão no distrito de Conselvan e foram abordados por criminosos armados que exigiram o veículo. Os funcionários tiveram armas apontadas para suas cabeças, sendo subtraído o caminhão, uma motosserra e roupas das vítimas.

Nesta quarta-feira (27.07), a equipe de policiais da Delegacia de Colniza receberam informações de que o veículo estava passando por manutenção em uma oficina da cidade. Com base na denúncia, os policiais foram até o local, onde constataram a veracidade das informações e apreenderam o veículo, localizado no pátio da oficina.

Leia mais:  Polícia Civil prende dois primos por tráfico de drogas, associação para o tráfico e receptação

Em continuidade as diligências, os policiais identificaram o dono do veículo, que questionado confessou ter comprado o caminhão pelo valor de R$ 100 mil, em duas parcelas de R$ 50 mil.

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Colniza, onde foi interrogado pelo delegado Bruno Ferreira e autuado em flagrante por receptação. Foi arbitrada fiança ao suspeito que responderá pelo crime em liberdade.

Segundo o delegado, as investigações seguem em andamento para localizar e prender os envolvidos no crime. “Com a prisão do receptador, foi possível conseguir novas informações sobre os fatos e as diligências continuam para prender os autores do crime”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue Reading

Mais Lidas da Semana

Copyright © 2018 - REDE CENTRO NORTE DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME - CNPJ: 34.052.986/0001-65 | Peixoto de Azevedo - MT
Desenvolvido por InfocoWeb - 66 9.99774262