Home » Garimpeiro é preso investigado por estuprar e agredir ex-companheira

Garimpeiro é preso investigado por estuprar e agredir ex-companheira

por Joice Goncalves
garimpeiro-e-preso-investigado-por-estuprar-e-agredir-ex-companheira

A investigação do caso foi feita pelo Núcleo de Defesa da Mulher que atendeu a vítima em 2022.

Um homem de 24 anos envolvido com garimpo em Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, foi preso nessa sexta-feira (26) suspeito de agredir e estuprar a ex-companheira, de 15 anos. Ele foi localizado no garimpo em uma zona rural quando foi preso.

maquinas agrícolas O homem é suspeito de envolvimento no crime de furto de um trator avaliado em R$ 200 mil. (Foto: Polícia Civil)
Ele foi preso após investigação e segue a disposição da justiça . (Foto: Polícia Civil)

A investigação do caso foi feita pelo Núcleo de Defesa da Mulher que atendeu a vítima em 2022. Na época, ela tinha sido agredida com socos pelo ex-companheiro.

No inquérito, a Polícia Civil e o MPMT (Ministério Público de Mato Grosso) identificaram que além das agressões e ameaças, a mulher teria sido estuprada quando criança pelo homem.

O homem estava foragido desde o ano passado, mas após a prisão ele foi encaminhado a Delegacia e ficará a disposição da Justiça.

  • ADOLESCENTE Segundo a polícia, o homicídio aconteceu por volta das 9h45, em Poconé. (Foto: Reprodução)

    Barra do Bugres

    Homem é preso suspeito de violência doméstica e cárcere privado

  • Lei sancionada

    Auxílio-aluguel será pago a mulheres vítimas de violência doméstica

  • Cristiane Castrillon - advogada morta (Foto: reprodução)

    Agosto Lilás

    Poderes públicos se movimentam para combater a violência doméstica