conecte-se conosco


Policial

Jornada de Segurança Pública debate enfrentamento a crimes na área rural

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A terceira etapa da Jornada Nacional de Segurança Pública e Defesa Social, promovida pelo Ministério da Justiça, reúne nesta semana, em Sinop, autoridades da área de vários estados para debater práticas e experiências investigativas sobre o policiamento rural no País.

O delegado-geral da Polícia Civil, Mário Dermeval Resende, participou da abertura do evento na terça-feira, junto com o secretário estadual de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, e o secretário Nacional de Segurança Pública, Carlos Renato Paim.

O encontro segue até esta quinta-feira e reúne profissionais da segurança de vários estados para debater e compartilhar experiências em relação ao policiamento nas regiões rurais e a investigação criminal qualificada no enfrentamento aos crimes rurais, entre eles os relacionados a roubos de cargas, contrabando de defensivos e organização criminosa.

O intuito da Jornada Nacional de Segurança Pública é produzir, a partir das discussões, diagnósticos e captar informações para construção de uma ação de política pública voltada para a segurança rural.

Crime organizado e defensivos contrabandeados

A mesa redonda desta quarta-feira (24) tratou sobre “Investigação Criminal Qualificada no Enfrentamento aos Crimes Rurais”, com a participação de delegados das Polícias Civis de Mato Grosso e do Rio Grande do Sul.

Leia mais:  Peruano é preso em Cáceres com seis tabletes de entorpecentes que levaria a SP

O delegado Vitor Hugo Bruzulato, da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), explanou sobre a atuação da instituição em relação a roubos e furtos de carga, crime organizado, roubo a bancos e contrabando de defensivos, entre outros delitos que são apurados pela unidade que tem atribuição estadual.

“Todo o trabalho de enfrentamento a esses crimes é desenvolvido de forma integrada com outras unidades da Polícia Civil, em virtude da dimensão territorial de Mato Grosso, e também de outras instuições, como por exemplo, a Polícia Rodoviária Federal que tem sido parceira nas ações de represssão ao contrabando e roubo de defensivos, tráfico de drogas, por exemplo”, citou o delegado.

Seis operações da Polícia Civil realizadas pela GCCO neste ano, com foco nos crimes de roubos de cargas, tráfico, defensivos agrícolas e roubo a bancos, resultaram em 158 prisões e 62 cumprimento de buscas e apreensões, bloqueio de R$ 12 milhões em contas de investigados e 75 veículos apreendidos (entre 12 carretas).

O trabalho de repressão realizado nas regiões rurais é constante e tem a integração com a PRF de Mato Grosso, como destacou o delegado Vitor Hugo. “Temos uma parceria muito exitosa com a Polícia Rodoviária Federal e em um estado de dimensões continentais, com a economia agrícola bem forte, as apreensões de defensivos contrabandeados é constante. Neste ano, já foram 19 toneladas apreendidas”, explicou.

Leia mais:  Homem é preso por descumprimento de medida protetiva em Tangará da Serra

O delegado finalizou reforçando que a tecnologia e a inteligênciaa, junto ao trabalho integrado, são fundamentais para que as polícias possam avançar na repressão qualificadas a essas organizações criminosas.

A Jornada de Segurança Pública começou em setembro e será realizada em sete etapas, até março de 2022, com a discussão de temas como estatísticas de segurança pública; município, segurança pública e criminalidade; segurança nas fronteiras – integração e apoio mútuo; e violência doméstica e contra a mulher.

Com informações e imagens do MJSP

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Militar apreende adolescente por roubo, sequestro e cárcere privado em Pontes e Lacerda

Publicado


Um adolescente de 15 anos de idade foi apreendido pelo 18º Batalhão por crime de roubo, ameaça sequestro e cárcere privado, na última quinta-feira (02.12), em Pontes de Lacerda. O suspeito mais dois comparsas armados renderam, amarraram e sequestraram as vítimas para roubar um veículo. 

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 4h30, as vítimas comunicaram à polícia, que havia sido vítimas de roubo, cárcere privado e ameaça, e que o veículo VW Amarok CD 4×4 havia sido levado no assalto a residência, no bairro Jardim Almeida.  

Os policiais iniciaram as diligências e cercaram a região, quando a equipe de Força Tática constatou que o suspeito estaria em frente ao posto de saúde do bairro Jardim Glória. Na tentativa de abordagem ao suspeito, o adolescente tentou fugir, mas acabou sendo apreendido.  O suspeito confessou que havia participado do roubo a residência e que utilizou o um revólver calibre 32, ele também relatou que contava com o apoio de um comparsa; mas não soube informar o nome do segundo homem envolvido no crime.

Leia mais:  Policiais civis são homenageados por operação nacional Luz na Infância 8

O adolescente apreendido relatou que o comparsa portava uma pistola calibre 765 e que eles teriam amarrado as vítimas e as colocado dentro da caminhonete da família; seguindo em direção ao Terminal Turístico da cidade.  Em seguida, os suspeitos colocaram as vítimas amarradas atrás do banheiro do local, sob a guarda do adolescente. Que o comparsa saiu com o veículo para buscar o terceiro suspeito e que juntos levaram o veículo para a Bolívia.  

As armas de fogo utilizadas no crime foram encontradas pela PM, na ponta do telhado, de uma residência vizinha ao imóvel onde o adolescente reside no bairro Morada da Serra. O suspeito foi apreendido e conduzido para a Delegacia.  A ocorrência foi entregue para a Polícia Judiciária Civil.  

 

Disque -Denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939. 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Moradores denunciam e Rotam fecha ponto de venda de drogas no Dom Aquino

Publicado


Policiais do Batalhão Rotam prenderam um homem de 38 anos com porções de maconha, cocaína e R$ 1.100, 00 em espécie, na noite da última sexta-feira (03.12), na Capital. A prisão do suspeito por  tráfico de entorpecentes, ocorreu após moradores denunciarem o crime para a Polícia Militar.  

Por volta das 21h15, os policiais foram procurados por moradores do bairro Dom Aquino, que relataram que havia um homem vendendo drogas em uma residência na região. De imediato, a Rotam foi até o endereço apontado e visualizou um veículo Gol e um homem em atitude suspeita ao lado do veículo.  

O condutor do carro e suspeito ao perceberem a presença da polícia tentaram fugir. O veículo tomou rumo ignorado, momento em que, foi identificado que havia caído algo do carro (porções de drogas). O homem que estava encostado no automóvel foi abordado e com ele a PM apreendeu uma balança de precisão e dinheiro trocado.  

O suspeito confessou que estava comercializando drogas no bairro. Durante buscas na residência dele, os policiais localizaram mais entorpecentes como tabletes e pedaços de maconha, máquina de cartão de crédito e quantia de R$1,1 mil.  A Rotam deu voz de prisão ao suspeito, ele foi conduzido para a Central de Flagrantes.  

Leia mais:  Polícia Civil prende em Porto Alegre do Norte dois homens investigados por salve a mando de facção criminosa

Disque -Denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939. 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis da Defron participam de curso de tiro em Cáceres

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Policiais civis da Delegacia Especial de Fronteira (Defron), participaram do curso de aperfeiçoamento de tiro realizado na sexta-feira (03.12), no Clube de Tiro Pantaneiro no município de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá).

A capacitação direcionada para atividades práticas, contemplou exercícios de disparos com diversos tipos de armas de fogo, em diferentes distâncias, e com técnicas avançadas para aferição de equipamento.

 A instrução foi ministrada pelo Segundo Sargento do Exército Brasileiro, Arlébio de Oliveira Alcântara; pelo 3º SGT PM Eliseu Campos da Costa; pelo 3º SGT PM Maurizon Gomes dos Santos e pelo TEN CEL PM Dulcezio Barros Oliveira. 

Conforme a delegada da Defron, Juda Maali Pinheiro Marcondes, o curso foi extremamente salutar para o aprimoramento necessário dos servidores da delegacia, os quais atuam diuturnamente nesta faixa fronteiriça enfrentando inúmeras adversidades.

“Razão pela qual se torna importante e necessária a participação recorrente dos policiais civis em cursos dessa natureza”, destacou a delegada de polícia. 

Fonte: PJC MT
Leia mais:  Operação Rota Final resulta em 19 denunciados à Justiça por organização criminosa e lavagem de dinheiro

Comentários Facebook
Continue lendo

BRABINHO OURO INFORMA

R$ 308,54

Peixoto de Azevedo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Política Nacional

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - REDE CENTRO NORTE DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME - CNPJ: 34.052.986/0001-65 | Peixoto de Azevedo - MT
Desenvolvido por InfocoWeb - 66 9.99774262