conecte-se conosco


Carros e Motos

Kawasaki Z900 SE 2022 ganha suspensão aprimorada e freios potentes

Publicado


source


Kawasaki Z900 SE 2022 passará a ter freios Brembo mais eficientes entre as principais mudanças adotadas
Divulgação

Kawasaki Z900 SE 2022 passará a ter freios Brembo mais eficientes entre as principais mudanças adotadas

A Kawasaki anuncia algumas mudanças para a sua naked Z900 com o novo pacote SE – “Special Edition” que agrega melhores freios da marca Brembo, garfos revisados ​, além de amortecedores são as novidades que estarão disponíveis a partir de dezembro de 2021.

Falando no sistema de freios, na frente, há duas pinças M4.32 de quatro pistões que funcionam a par com dois discos de 300 mm e um cilindro mestre radial Nissin. De acordo com a Kawasaki, estes novos freios proporcionam mais potência de parada e melhor controle.

No caso dos amortecedores da Öhlins, além de um novo acabamento em dourado e embora se mantenham os 41 mm originais da Z900 igual ao da Z900RS SE . Na traseira assim como versão neo-clássica RS SE , traz suspensão traseira monoshock Öhlins S46 com ajuste de pré-carga.

O motor continua o mesmo de quatro cilindros em linha de 948 cc , que produz 125 cv às 9.500 rpm e 1 0,04 kgfm de torque às 7.700 rpm. 

Disponível apenas na cor preta com detalhes em verde, na Europa a Z900 SE 202 2 vai custar a partir do equivalente R$ 78.214 em conversão direta, sem incluir taxas e impostos, uma vez que o modelo ainda não teve sua chegada confirmada ao Brasil.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
publicidade

Carros e Motos

VW ID.4 faz viagem mais longa para carro elétrico e bate recorde

Publicado


source
 Derek Collins (esquerda), o vice-presidente senior da VW América, Hein Shafer, e Rainer Zietlow recebem o certificado
Divulgação

Derek Collins (esquerda), o vice-presidente senior da VW América, Hein Shafer, e Rainer Zietlow recebem o certificado

A dupla formada por Reiner Zietlow e Derek Collins passou uma centena de dias visitando mais de 600 concessoionárias da Volkswagen nos EUA com o SUV elétrico ID.4 e acabou entrando para o Livro dos Recordes por ter completado a viagem mais longa com um carro elétrico em apenas um país.

Sobre o feito, Zietlow disse que “foi ótimo compartilhar minhas experiências sobre o ID.4 com pessoas tão diferentes, inclusive, do quadro de funcionários da Volkswagen. Ter batido o recorde não é apenas uma prova da confiabilidade do SUV elétrico , mas também uma mostra da boa infraestrutura que temos nos EUA”, concluiu ele.

A viagem foi de exatos 56.327 quilômetros, percorendo 48 estados nos EUA e 628 concessionárias. Com isso a dupla mais do que dobrou a marca do recorde anterior. Vale lembrar que o ID.4 chegou a ser mostrado no Brasil oficialmente pela VW  e tem boas chances de vir a ser vendido no País.

O vice-presidente senior da VW da América , Hein Schafer, comentou que o recorde batido pela dupla é uma demonstração importante de que o ID.4 é uma alternativa real aos modelos movidos a combustão conforme as estações de recarga vão se espalhando pelo país.

Ainda sobre Zietlow, não é a primeira vez que ele fez uma viagem longa como essa, já que chegou a ir do Alaska até a Argentina em apenas 12 dias, além de ter outras do gênero pela África e Europa a bordo de um SUV VW Touareg . Para mais detalhes sobre a viagem com o ID.4 basta acessar vwid4-usatour.com .

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Legacy Elite é um pequeno trailer de viagem para até três ocupantes

Publicado


source


Legacy Elite é um trailer feito pela americana Oliver Travel Trailers e traz todo o conforto de uma casa para até três 'moradores'
Divulgação

Legacy Elite é um trailer feito pela americana Oliver Travel Trailers e traz todo o conforto de uma casa para até três ‘moradores’

A americana Oliver Travel Trailers , uma pequena empresa familiar que existe desde 2007, fabrica trailers bem ao estilo retrô dos antigos modelos da década de 1950 e 1970.

Um exemplo é o novo Legacy Elite que o fundador Oliver fabrica no processo todo artesanal. É feito em fibra de vidro moldada e conta com construção de casco duplo, que segundo ele, garante um melhor isolamento térmico , ideal para cada uma das quatro estações.

O Legacy Elite , e um trailer de viagem de 5,6 metros que começa em U$$ 57.000 (R$ 316.400 em conversão direta)  para o modelo 2022 mais recente. Por menor que possa parecer, o trailer ainda está repleto de tudo que você precisa para desfrutar de uma experiência confortável fora da rede. Com uma largura de 1,98 metro e um comprimento de cabine de 4,14 metros, o interior é adequado para acomodar até três pessoas.

Assim que entra no Elite, à direita está um guarda-roupa e uma entrada para o banheiro molhado. Imediatamente à esquerda está a cozinha e, em frente a ela, está a sala de jantar modular. A parte traseira do trailer é inteiramente reservada para o quarto principal e área social principal.

Leia Também

Um espaço crucial para viagens em terras de aventura é a cozinha. Sabendo que apenas três pessoas precisarão ser alimentadas durante suas viagens, Oliver preparou um pacote padrão que oferece um fogão de duas bocas, torneira e pia giratórias, geladeira de 3 vias e um micro-ondas também. Além disso há muito espaço de armazenamento para utensílios, alimentos e até mesmo equipamentos que você pode usar para explorar.

 Tomadas USB e 110 volts, luzes LED, sistema de monitoramento, aquecimento central e, sim, um sistema de entretenimento também faz parte do que você recebe quando decide que quer um trailer de viagem Legacy Elite para seu estilo de vida.

Leia mais:  Afinal, a Ford virou marca premium?


Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros e Motos

Conheça 5 tendências para o mercado de carros elétricos

Publicado


source


Projeções apontam que 60% das vendas globais deverão corresponder aos carros elétricos até 2035
Divulgação

Projeções apontam que 60% das vendas globais deverão corresponder aos carros elétricos até 2035

O mercado de veículos elétricos está aos poucos tomando conta do mercado. Na Europa e EUA isso acontece com mais rapidez em relação a outros países como o Brasil. De qualquer maneira, se o mercado brasileiro aderir à tendência mundial, 60% dos novos veículos vendidos no país serão elétricos até 2035.

Quem diz isso é a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) . Mas para isso é preciso investimentos, tanto em planejamento como em infraestrutura.  De acordo com Ricardo David, sócio-fundador da Elev , empresa que oferece ao mercado soluções para o ecossistema de mobilidade elétrica, é importante que o Brasil tenha uma agenda urgente mais ativa relacionada ao tema.

“Todas as informações que nós temos hoje em dia mostram que a eletromobilidade veio para ficar. Também é válido considerar o próprio interesse do consumidor, que vem crescendo durante os anos”, pontua David.

Confira a lista com as cinco tendências selecionadas pelo especialista do mercado:

1. Agenda ativa para discussão sobre mobilidade elétrica

O novo relatório da Federação de Estradas da Noruega mostra que 77,5% dos veículos vendidos em setembro no país foram carros elétricos. A Noruega é o líder mundial na mudança para a eletromobilidade e busca acabar com a venda de veículos de combustíveis fósseis até o ano de 2025. Esse cenário pode ser observado em todo mundo e, mais recentemente, nos Estados Unidos.

Leia mais:  Afinal, a Ford virou marca premium?

Além disso, o Acordo de Paris, e as convenções internacionais que buscam a redução do efeito estufa auxiliam no crescimento do setor.

2. Transporte público

Brasil ainda precisa avançar na questão dos ônibus elétricos. Apenas em Bogotá (Colômbia), já  existe uma frota de mil deles
Reprodução (tecnoblog.net)

Brasil ainda precisa avançar na questão dos ônibus elétricos. Apenas em Bogotá (Colômbia), já existe uma frota de mil deles

Um dos pontos que vamos observar grandes transformações em um futuro próximo será no transporte público . O mercado global de ônibus elétricos está em expansão, com projeção de atingir 704 mil unidades até 2027, segundo dados publicados pela MarketsandMarkets.

Porém, para o segmento ganhar de fato o Brasil, ainda há a necessidade de mudança no processo de contratação de empresas de transporte público nos municípios.

Leia Também

Na América do Sul já temos exemplos de cidades que adotam esse modelo, como é o caso de Santiago (Chile) e Bogotá (Colômbia), que têm frotas de ônibus elétricos de 400 veículos e cerca de 1.000, respectivamente.

Leia Também

3. Carros/ônibus como geradores de energia emergencial

Além do combate a emissão de gases do efeito estufa , os carros elétricos podem auxiliar as cidades como geradores em situações emergenciais, podendo fornecer energia para hospitais, asilos e escolas. Temos a possibilidade de utilizar esses veículos como verdadeiros geradores móveis para alimentar essas unidades em situações de necessidade.

Leia mais:  Quebrando o gelo: baixa temperatura exige atenção com manutenção do carro

“Você tem a possibilidade de usar esses verdadeiros geradores móveis para alimentar essas unidades. Algo que pode salvar vidas. Sabemos dos problemas da falta de energia em unidades hospitalares, que não são assistidas por geradores de emergência confiáveis. Há um modelo que torna possível utilizar os veículos elétricos para essa finalidade”, afirma Ricardo.

4. Baterias

Bateria de carro elétrico: tecnologia continua avançando para que se tornem ainda mais eficientes que as atuais
Reprodução

Bateria de carro elétrico: tecnologia continua avançando para que se tornem ainda mais eficientes que as atuais

Uma das principais tendências que podemos observar hoje em dia é o avanço tecnológico das baterias inclusive no Brasil, que estão mais leves, sofisticadas e com grande autonomia e com novas tecnologias de produção, a base de nióbio e grafeno.

Com a maior autonomia dos veículos, os carros poderão simplesmente serem carregados em condomínios e residências. Isso é, com as novas baterias que duram mais tempo, o proprietário de um veículo elétrico só terá a preocupação de recarga quando estiver em casa.

5. Uso compartilhado dos carros elétricos

A última, mas não menos importante, tendência é em relação aos carros compartilhados , como é o caso de aplicativos como o Uber. O especialista afirma que haverá, além da utilização de carros elétricos nos serviços já conhecidos, poderão surgir novos meios que busquem na eletromobilidade a sua principal forma de locomoção.

As sociedades, principalmente as mais urbanas, vão passar, seguramente, a usar o carro elétrico de forma compartilhada como acontece em algumas cidades com patinetes e bicicletas . Outra vantagem será a redução de engarrafamentos e o menor número de veículos andando na rua.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

BRABINHO OURO INFORMA

R$ 308,54

Peixoto de Azevedo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Política Nacional

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - REDE CENTRO NORTE DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME - CNPJ: 34.052.986/0001-65 | Peixoto de Azevedo - MT
Desenvolvido por InfocoWeb - 66 9.99774262