Home » Onça-pintada morre atropelada na MT-235 em Nova Mutum

Onça-pintada morre atropelada na MT-235 em Nova Mutum

por Joao Ricardo
onca-pintada-morre-atropelada-na-mt-235-em-nova-mutum

Uma onça-pintada morreu após ser atropelada na MT-235, que liga Nova Mutum a Santa Rita do Trivelato, na noite da última sexta-feira (10). O acidente aconteceu por volta das 18h, na altura da ponte do Rio dos Patos.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma família seguia de Nova Mutum para uma propriedade rural quando o animal silvestre atravessou a pista repentinamente. O condutor do veículo não teve tempo de frear ou desviar, colidindo com a onça.

Com o impacto da colisão, o felino não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Felizmente, os ocupantes do carro não sofreram ferimentos, apenas danos materiais no veículo.

Preocupação com a segurança nas rodovias

O atropelamento de animais silvestres é um problema frequente nas rodovias brasileiras, especialmente em áreas com mata nativa próxima à pista. Segundo dados da PRF, em 2023, mais de mil animais silvestres foram atropelados em rodovias federais de Mato Grosso.

[Continua depois da Publicidade]

Para evitar esse tipo de acidente, é importante que os motoristas redobrem a atenção ao dirigir em áreas com presença de animais silvestres, principalmente à noite, quando os animais são mais ativos. É importante também reduzir a velocidade e manter os faróis acesos.

Medidas para reduzir atropelamentos

Algumas medidas podem ser tomadas para reduzir o número de atropelamentos de animais silvestres nas rodovias, como a construção de cercas, pontes de fauna e passarelas para animais, além da sinalização adequada das áreas de risco.

É importante também que haja campanhas de conscientização para os motoristas sobre a importância de dirigir com cuidado em áreas com presença de animais silvestres.

A morte da onça-pintada na MT-235 serve como um lembrete da importância da preservação da fauna silvestre e da necessidade de medidas para garantir a segurança tanto dos animais quanto dos motoristas.

você pode gostar