Home » Pesquisa indica que Biden perderia para Trump em 5 dos 6 estados-chave dos EUA em 2024

Pesquisa indica que Biden perderia para Trump em 5 dos 6 estados-chave dos EUA em 2024

por AFP
pesquisa-indica-que-biden-perderia-para-trump-em-5-dos-6-estados-chave-dos-eua-em-2024

A um ano das eleições presidenciais nos Estados Unidos, uma pesquisa publicada neste domingo (5) pelo New York Times coloca o potencial candidato republicano, Donald Trump, à frente do presidente Joe Biden em cinco dos seis estados-chave, nos quais o democrata está perdendo apoio entre os jovens e as minorias.

• Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
• Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
• Compartilhe esta notícia pelo Telegram

A pesquisa realizada pelo Siena College indica que o bilionário republicano lidera seu oponente democrata nas intenções de voto em Nevada (52%/41%), Geórgia (49%/43%), Arizona (49%/44%), Michigan (48%/43%) e Pensilvânia (48%/44%), enquanto Biden venceria apenas em Wisconsin, com uma pequena diferença (47%/45%).

Nas eleições de 2020, Biden venceu em todos esses estados que oscilam entre os dois partidos.

A pesquisa foi conduzida por telefone entre 22 de outubro e 3 de novembro e envolveu 3.662 eleitores registrados nos seis estados.

Seus resultados devem ser considerados com cautela, pois a margem de erro é de 4,4 a 4,8 pontos percentuais.

No entanto, a tendência não favorece Biden. Sessenta e sete por cento dos entrevistados acreditam que o país está indo na direção errada, 59% desaprovam a maneira como o líder democrata exerce seu cargo (incluindo 46% que o desaprovam fortemente), e 71% concordam com a ideia de que, aos 80 anos, “é muito velho para ser um presidente eficaz”.

O democrata perde gradativamente o apoio de categorias que haviam se manifestado claramente a seu favor em 2020, como os jovens – apenas 41% dos eleitores com idades entre 18 e 29 anos decidiram, definitiva ou provavelmente, votar nele, em comparação com 40% que votariam em Trump -, as comunidades hispânicas e a comunidade negra dos EUA.

você pode gostar