conecte-se conosco


Tecnologia

William Shatner, o Capitão Kirk, se torna a pessoa mais velha a ir ao espaço

Publicado


source
William Shatner e Jeff Bezos após voo
Reprodução/Youtube

William Shatner e Jeff Bezos após voo

Aos 90 anos, o ator William Shatner, que interpretou o eterno Capitão Kirk, de Jornada nas Estrelas,  se tornou a pessoa mais velha a ir ao espaço nesta quarta-feira (13). Ele viajou até a órbita da Terra a bordo da nave New Shepard, da empresa de turismo espacial Blue Origin, do bilionário Jeff Bezos. O recorde era da aviadora Wally Funk, de 82 anos, que foi ao espaço junto de Bezos  em julho deste ano.

Depois do pouso, Shatner se emocionou ao agradecer Bezos pela experiência. “O que você me deu é a experiência mais profunda que eu poderia ter. Eu estou tão cheio de emoção que… é extraordinário”, disse ele. Bezos o abraçou em seguida.

O ator perdeu as palavras ao tentar explicar o que vivenciou, e disse que a coisa mais bonita foi a “maciez” do azul da Terra, contrastando com o preto do espaço. “Embaixo é a mãe Terra, é conforto. E em cima, tudo preto, é… morte? É isso que a morte é?”, refletiu.

“Espero nunca me recuperar disso. Não quero perder o que eu vi. É tão maior do que estar vivo”, comentou. “Eu adoraria comunicar o momento em que você vê a vulnerabilidade de tudo. É tão pequeno. Esse ar, que nos mantém vivos, é mais fino que a pele, é uma lasca, é inimaginavelmente pequeno quando você pensa em termos do universo”, afirmou.

Leia Também

Leia Também

Shatner foi um dos quatro tripulantes da missão NS-18, da Blue Origin. Ao lado dele estavam dois clientes da empresa, Chris Boshuizen, cofundador do Planet Labs, e Glen de Vries, cofundador da Medidata, além de Audrey Powers, vice-presidente de missões e operações de voo da Blue Origin.

A tripulação ficou 11 minutos viajando, sendo quatro deles em gravidade zero. Confira as imagens do voo espacial:


Comentários Facebook
publicidade

Tecnologia

iPhone SE 2022 terá design igual ao iPhone XR, diz vazamento

Publicado


source
Início das vendas do iPhone 13 em Londres
Divulgação/Apple

Início das vendas do iPhone 13 em Londres

A Apple deve lançar uma nova versão do iPhone SE em 2022, contemplando mais uma opção “popular” de smartphone. Rumores recentes afirmam que o celular deve ser baseado no iPhone XR, trazendo uma tela LCD pela última vez.

O iPhone SE 2022, portanto, deve ter design bastante similar ao iPhone XR, com 6,1 polegadas e notch grande. No que diz respeito às especificações, porém, o smartphone deve vir equipado com o poderoso processador Apple A15 Bionic, que tem suporte ao 5G.

Vazadores também afirmam que o iPhone SE 2022 deve manter o Touch ID, mas o sensor de impressões digitais deve estar posicionado na lateral do dispositivo. O iPhone SE deve, então, abandonar a borda inferior da tela, tornando-a maior.

O conjunto de câmeras deve ser baseado no iPhone 12, com câmera dupla de 12 MP e uma das lentes ultra grande-angular com 120º.

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

Facebook é multado em R$ 390 milhões no Reino Unido por ignorar investigação

Publicado


source
Facebook é multado
Unsplash/Alex Haney

Facebook é multado

O Facebook foi multado em 50,5 milhões de libras (cerca de R$ 387 milhões em conversão direta) pela autoridade britânica de concorrência (CMA). A punição aconteceu porque a empresa ignorou uma solicitação de informações sobre sua fusão com a startup Giphy.

“É a primeira vez que uma empresa viola uma ordem da CMA, ao se recusar, de forma deliberada, a fornecer todas as informações solicitadas”, declarou o órgão nesta quarta-feira (20). As informações são da agência France-Presse.

A aquisição do Giphy pelo Facebook, avaliada em US$ 400 milhões, foi anunciada em maio de 2020. Em junho do mesmo ano, a CMA emitiu uma medida cautelar para deter o processo de fusão. O objetivo era “garantir que as empresas continuem competindo, como teriam feito sem a fusão, e para evitar que se continuassem a se integrar enquanto durar a investigação”.

Em agosto de 2021, o órgão advertiu o Facebook de que ele poderia ter que se desfazer do Giphy, já que a aquisição poderia prejudicar o mercado de publicidade online e os usuários. A investigação do caso continua em andamento, e a multa atual foi aplicada pelo descumprimento do Facebook. “Dadas as múltiplas advertências feitas ao Facebook, a CMA considera que o descumprimento de sua ordem foi deliberado”, disse o órgão.

Comentários Facebook
Continue lendo

Tecnologia

FIFA 22 bane mais de 30 mil jogadores por abusarem de bug no Ultimate Team

Publicado


source
FIFA 22 bane jogadores
Divulgação

FIFA 22 bane jogadores

Mais de 30 mil jogadores de FIFA 22 receberam suspensões temporárias por abusarem de um bug no Ultimate Team que garantia vitórias fáceis durante o FUT Champions. A Electronic Arts decidiu deixar os infratores de fora do game por sete dias, até 27 de outubro, mas sem remover os pontos e prêmios obtidos por eles com a falha do modo ranqueado.

Em resumo, o bug permitia que os jogadores terminassem as partidas do FUT Champions com um placar de 20 vitórias e zero derrotas. Para fazer isso, bastava abandonar as partidas indo até o menu principal dos consoles e esperando lá até o tempo acabar. Assim, o FIFA 22 não registrava a derrota.

Graças ao erro do Ultimate Team, os jogadores podiam desistir das partidas assim que sentissem que iriam perder. Com isso, eles continuavam jogando somente as partidas nas quais a vitória era certa, resultando no placar perfeito.

Além do problema no ranking, o mercado de atletas de FIFA 22 também foi afetado, já que uma quantidade enorme de pessoas recebeu o prêmio máximo do FUT Champions ao terminar o posicionamento com o placar perfeito. Cartas de atletas muito valiosos, por exemplo, ficaram muito baratas em pouco tempo.

Após identificar o bug, a Electronic Arts comunicou no Twitter que havia banido mais de 30 mil perfis de FIFA 22 durante sete dias. Com essa suspensão, os jogadores punidos ficam impedidos de entrarem nas finais do FUT Champions do próximo final de semana (23 e 24) — a Weekend League.

A punição foi vista como um “tapinha no ombro”

Mesmo com a suspensão, a EA não removeu as recompensas recebidas pelos jogadores trapaceiros no FUT Champions. Isso resultou em críticas por parte da comunidade, que tinha pedido punições mais severas. Para algumas pessoas nas redes sociais, a atitude da empresa foi comparada a um “tapinha no ombro”.

“Muitos jogadores ruins conseguiram as melhores recompensas que jamais receberão de novo. Sete dias é moleza, já que a maioria deles vai perder um Weekend League em que nem sequer se qualificariam”, disse o usuário Statcat2017 no Reddit.

“Essa punição é um tapa na cara e não chega nem perto de compensar todos os outros que perderam moedas devido ao acidente”, comentou o usuário GrizzlyAdam12, também no Reddit.

Em resposta, a Electronic Arts somente compartilhou suas Diretrizes de Jogos Positivos, as quais dizem que é errado “usar exploits, cheats, recursos não documentados, erros de design, bugs ou problemas para levar vantagem sobre as outras pessoas”.

Comentários Facebook
Continue lendo

BRABINHO OURO INFORMA

R$ 308,54

Peixoto de Azevedo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Política Nacional

Mais Lidas da Semana





Copyright © 2018 - REDE CENTRO NORTE DE COMUNICAÇÃO LTDA-ME - CNPJ: 34.052.986/0001-65 | Peixoto de Azevedo - MT
Desenvolvido por InfocoWeb - 66 9.99774262